Renata Crizanto apresenta show autoral no Teatro Zulmira Canavarros

 Renata Crizanto apresenta show autoral no Teatro Zulmira Canavarros

Foto: David Weslley

A cantora e compositora Renata Crizanto, de Alta Floresta, estreia nesta sexta-feira (03), um show inédito com repertório autoral eclético. Será no Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros, às 20h, e a entrada é um brinquedo novo ou usado em bom estado.

A apresentação desta sexta-feira é a primeira do projeto Canto-Transição, de Renata Crizanto. O segundo show será na cidade natal da artista, em 17 de maio, também às 20h, no Teatro Agostinho Bizinoto. Lá, a entrada é gratuita.

Renata atua na chamada ‘nova MPB’ e suas composições têm letras e melodias com influências diversas, com repertório que vai do pop à guarania (estilo musical de origem paraguaia). A cantora produziu um espetáculo que deve emocionar e surpreender a plateia com letras e melodias envolventes.

Foto: David Weslley

“É a concretização de um sonho poder levar e mostrar a minha música a duas cidades que fazem parte da minha história. Eu já morei em Cuiabá e fiz parcerias musicais na cidade. Retornar com um show autoral e em uma casa tão conceituada é incrível e me enche de esperança. Eu me sinto muito honrada de poder refletir sobre essa dicotomia de orbitar em tantos espaços e poder oferecer a minha música ao público!”, exclama a anfitriã.

Dani Paula Oliveira, superintendente da Assembleia Social e diretora do Teatro Zulmira, destaca a importância de abrir as portas do espaço cultural para o projeto. “A produção cultural mato-grossense é muito rica e é importante sempre apresentar o que temos em cada canto deste Estado. Renata Crizanto desenvolveu um trabalho lindo e potente com toda a pluralidade da música brasileira produzida em Mato Grosso. Esperamos todos vocês para curtirmos, juntos, Canto-Transição”.

Os shows foram contemplados pelo edital Viver Cultura, da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer de Mato Grosso (Secel/MT), com apoio da Assembleia Social, do Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros e da Secretaria Municipal de Cultura e Juventude de Alta Floresta.

Oficinas em Alta Floresta
Para os interessados em produção musical, serão ministradas oficinas aos jovens e adultos de Alta Floresta. No dia 18 de maio, a partir das 14h horas, no Centro Cultural – Praça da Cultura, será ministrada uma oficina de baixo com Paulinho Nascimento, uma oficina de produção cultural com Alessandra Grandini e uma oficina sobre as etapas de produção musical com a própria Renata Crizanto.

Sobre a cantora e compositora
Filha de migrantes nordestinos, Renata Crizanto nasceu em Alta Floresta, interior de Mato Grosso, a 840km da capital Cuiabá. De família muito musical, acompanhou alguns de seus familiares que já se apresentam profissionalmente há vários anos. Seus tios participavam da Folia de Reis e puxavam a festa no interior da Bahia e também fabricavam instrumentos musicais. Além disso, uma sobrinha e um irmão já fazem da música a principal fonte de renda.

Agora é a vez da Renata investir tempo e dedicação na carreira autoral, algo que almeja desde a adolescência, mas que ainda não tinha investido por falta de recursos financeiros.

Quando morou em Cuiabá, entre 2017 e 2019, para fazer o seu Mestrado em Antropologia Social, Renata se apresentou em vários lugares da cidade, como o Trigoria e a choperia do Sesc Arsenal.

Plataformas de streaming
Mesmo vivendo a música de forma autodidata desde a infância, foi somente em 2020 que Renata gravou sua primeira canção autoral, disponível em todas as plataformas de streaming, entre elas, o Spotify (https://open.spotify.com/intl-pt/artist/2xa59NQdNg685JqKB0BM5U).

Serviço:
Show Canto-Transição, por Renata Crizanto

Agenda de apresentações:
Data: Sexta-feira (03), às 20h
Local: Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros
Entrada: 1 brinquedo novo ou em bom estado de conservação

Data: 17 de maio, às 20h
Local: Teatro Agostinho Bizinoto, na Praça do Avião, em Alta Floresta
Entrada gratuita

Mais informações: (66) 99224-4918

Atua com jornalismo cultural e assessoria de imprensa há mais de dez anos em Mato Grosso. Passou por cargos de reportagem e edição em veículos digitais e impressos, além de atuar em web-projetos (como séries e documentários governamentais e do setor privado) como pesquisadora e roteirista. Leitora e escritora literária, com ênfase em contos e crônicas. Hoje, além da empresa Mirella Duarte Assessoria de Comunicação, há quatro anos no mercado, é sócia-proprietária do portal Cuiabá Tem.